fbpx

Manutenção de drones: manual básico para evitar problemas!

Nos dias de hoje, os drones são considerados uma inovação e tanto, além de serem um bom investimento para quem trabalha com vídeos e com imagens aéreas — ou somente para quem quer apenas se entreter. Tenha em mente, no entanto, que saber realizar a manutenção de drones e evitar avarias é tão importante quanto saber operá-los.

Nesse sentido, é recomendável conhecer os cuidados necessários, o seu funcionamento e conseguir identificar os principais problemas para garantir que nada de errado aconteça com o equipamento. Além disso, é preciso perceber o momento certo de realizar a sua manutenção.

Sendo assim, acompanhe, a seguir, uma lista com algumas dicas relacionadas aos cuidados e procedimentos de manutenções para você entender melhor como evitar, identificar e agir sobre os problemas que podem acontecer. Continue a leitura e confira!

Tome os cuidados necessários antes de voar

Saiba que uma boa manutenção de drones começa com ações preventivas e uma delas é procurar tomar todos os cuidados necessários antes de voar. Ler o manual de instruções pode ser, então, um bom começo.

Além disso, não se esqueça de retirar o protetor do Gimbal, que é o acessório que ajuda a estabilizar a câmera do drone, antes de ligá-lo. Verifique também se está tudo certo com a bateria e a conexão com o seu dispositivo móvel.

Não se esqueça também de fazer uma pequena verificação de funcionamento antes de colocar o drone no ar, como ligar o rádio controle, ligar o drone, aguardar a memorização do ponto de decolagem, verificar a direção do vento e analisar qual será a área de voo.

Faça a análise do local

Outro cuidado preventivo está relacionado ao local onde o voo será realizado, por isso, é importante fazer uma boa análise da área. Tente verificar, principalmente, se o seu perímetro tem algum campo eletromagnético que possa deixar o drone desorientado, ou ainda, depósitos ferrosos de minerais. Este tipo de área, costuma trazer diversos problemas na bússola durante o seu vôo.

Saiba que torres de alta tensão, antenas e outros equipamentos desse tipo podem ser totalmente nocivos para o drone. Além disso, evite voar em condições climáticas ruins. Todos esses fatores podem danificar o equipamento e também fazer com que você perca o sinal de comunicação com ele.

Seja cuidadoso com o Gimbal

Um dos problemas mais recorrentes está relacionado ao Gimbal. Afinal, ele é um dos componentes mais frágeis do drone, então, há uma maior facilidade em quebrar. Portanto, sugerimos alguns cuidados:

  • utilize o seu protetor quando ele não estiver voando;
  • evite fazer movimentos bruscos com o drone desligado;
  • não se esqueça de fazer a calibração pelo aplicativo;
  • ao pousar, tome cuidado para que irregularidades do terreno não risquem a lente da câmera.

Saiba que, se algo acontecer com esse componente, dificilmente, será possível consertá-lo por conta própria. Portanto, recomendamos buscar uma empresa especializada para realizar os reparos e não causar mais problemas ao equipamento.

Limpe o drone sempre que possível

Manutenção de drones envolve a limpeza! Dependendo do local em que o drone já passou, há grandes chances de ele ficar exposto à sujeira, que pode vir de insetos, pássaros ou até da própria poeira. Por isso, limpá-lo sempre é bom.

Nesse sentido, é possível prezar pela conservação da aeronave por meio dos produtos adequados. No geral, é viável utilizar produtos domésticos, tal como um detergente neutro, por exemplo. Se quiser, utilize também uma flanela ou um pano de microfibra para ajudar nesse processo. Isso facilitará a conservação do equipamento.

Não se esqueça da limpeza da câmera

A limpeza da câmera do drone também não pode ser esquecida, mas deverá ser feita com muito cuidado. Geralmente, as câmeras são à prova da entrada de poeira e de outros resíduos, por isso, somente o filtro UV, que está localizado na frente da lente, deverá ser submetido a um procedimento de limpeza.

Isso pode ser feito com uma bomba de ar pequena, ou com qualquer equipamento que tenha a mesma função. Além disso, também é recomendável passar uma flanela de microfibra para finalizar a limpeza.

Verifique o estado da bateria

A bateria é um dos componentes mais importantes do drone. Afinal, sem ela, a aeronave não funciona e, caso ela acabe no meio do voo, o drone será perdido. Então, o ideal é verificá-la sempre, conferindo, principalmente, se ela atingiu a carga máxima.

Além disso, evite guardá-la carregada, mas preze sempre por deixá-la no que chamamos de storage mode, que corresponde a 25% ou 30% da carga — o ideal para um armazenamento sem qualquer risco de danos. Geralmente, as baterias têm um sistema de autodescarga para facilitar essa questão.

No mais, sugerimos sempre andar com uma ou mais baterias extras. Esse cuidado é válido, pois evita que você pense na possibilidade de colocar o drone para voar sem carga suficiente.

Certifique-se de que a hélice está bem colocada

Outro item importante para o voo da aeronave é a sua hélice. Um dos motivos que podem fazer um drone cair é a má colocação desse item. Então, antes de decolar, certifique-se de que ela está bem apertada e inserida no drone.

Carregar hélices extras também é uma ótima sugestão para evitar problemas. Afinal, caso estejam danificadas por algum motivo, o voo não será comprometido.

Realize revisões periódicas

Por fim, nossa última dica está relacionada a sempre fazer revisões periódicas no drone com a finalidade de prevenção. Dessa forma, evita-se que qualquer problema aconteça durante um voo, além de eliminar o risco de ocorrências graves, tal como a perda do equipamento, por exemplo.

Sugerimos que você procure uma empresa especializada em manutenções para fazer esse procedimento. Dessa forma, você terá a garantia de que o drone não sairá de lá sem estar 100% aprovado para novas manobras.

Saiba que, seguindo as nossas dicas sobre manutenção de drones, dificilmente, você terá algum problema com o seu, além de manter-se sempre tranquilo em relação à sua utilização, com possibilidades reduzidas de ter o funcionamento do equipamento comprometido durante um voo.

Gostou do nosso conteúdo? Quer saber como podemos ajudá-lo a entender ainda mais sobre a manutenção de drones? Então, entre em contato conosco agora mesmo e fale com um de nossos especialistas! Vamos lá!

E você, o que achou desta matéria?

O que você acha disso? Deixe aqui a sua opinião!

Minimum 4 characters